Panquecas veganas de Alfarroba, Linhaça e Banana

p1120812_fotor

Alfarroba é uma vagem comestível semelhante ao feijão, é produzida pela alfarrobeira.

A vagem mede entre 10 e 25 centímetros. Tem coloração castanho escura e sabor adocicado. A polpa da vagem depois de torrada e moída, produz um pó, a farinha de alfarroba, usada nesta receita.

A alfarroba possui valor nutritivo muito elevado. Tais como grandes quantidade de fibras que ajudam a melhorar o funcionamento do intestino, bem como a combater o colesterol ruim e regular a glicemia. Tem vitamina B1 e B2 que melhoram o funcionamento do sistema nervoso, músculos, coração e raciocínio. Para além de ser rica em Vitamina A, cálcio, magnésio, ferro e potássio. Ainda tem propriedades antioxidantes, tornado-se eficaz no combate aos radicais livres ajudando na reparação das células danificadas.

p1120799_fotor

Ingredientes

200 g banana madura (2 unidades)

30 g linhaça em sementes ou moídas (2 colheres de sopa)

30 g farinha de centeio ou trigo (2 colheres de sopa)

20 g farinha de alfarroba

50 g de leite de vegano (soja, arroz, amêndoa ou aveia)

15 g óleo de girassol (1 colher)

p1120798_fotor

Preparo

Misturar todos os ingredientes e passar com a varinha mágica ou liquidificador até obter uma pasta homogénea.

Usar uma frigideira antiaderente.

Aquecer a frigideira levemente e fazer panquecas com ajuda de uma colher.

Utilizar lume brando.

Ter especial cuidado ao virar, pois trata-se de uma massa pastosa que não solidifica como uma panqueca de farinha e ovos.

Cobrir com xarope de ácer. Quem não tem uma alimentação estritamente vegana pode usar também mel ou manteiga.

Bom proveito!p1120801_fotor

Anúncios

Cuca de Goiabada (Kuchen)

P1120623_Fotor

Hoje é dia de pôr a mão na massa. Trazemos hoje uma receita típica do sul do Brasil, mas de origem alemã. Trata-se de um kuchen (bolo em alemão), composta por uma massa, recheio e um crumble.

Esta é a receita que foi apresentada no Programa Grande Tarde da SIC, clique para ver.

A receita original é feita com levedura, em que os ingredientes principais são farinha, manteiga e açúcar, ou seja, uma massa lêveda doce. O crumble varia em sabores de manteiga, canela e baunilha. Já o recheio pode ser do que mais gostar, compota, fruta ou doce.

P1120646_Fotor

A cuca tem o seu lugar de origem na antiga Silésia, seguido pela Prússica, de onde um considerável numero de alemães veio para construir suas vidas no Sul do Brasil. Assim, a cuca chega aos Brasil por meio das mãos dos europeus, passando a fazer parte do cardápio cotidiano dessas famílias.

A cuca era servida essencialmente em ocasiões como o Natal e Páscoa, pois a mataria prima principal era muito cara. Mais tarde, a cuca tornou-se popular em toda a Alemanha, sendo servida com frutas da estação, tais como maçãs, peras, ameixas e cerejas.

Com a imigração, a cuca levou um toque do Brasil, sendo confeccionada com elementos e doces locais, como uvas, goiabada, doce de leite, côco e banana.

Nas fotos, pode ver a cuca de goiabada e de frutos silvestres.

Acompanhe também a nossa página do Facebook Irresistível Mistura e as publicações na Umbigo Magazine.

 

P1120626_Fotor

Massa

250ml Leite morno
11g Fermento biológico seco
500g Farinha de trigo
60g Acúcar
60g Manteiga
1 ovo
Açúcar baunilhado q.b.
Sal q.b.
Noz moscada q. b.
Canela q.b.

P1120620_Fotor

Crumble

100g Açúcar
125g Manteiga
200g Farinha de trigo
Acúcar baunilhado q.b.

P1120636_Fotor

Recheio

300g Goiabada

P1120642_Fotor

Preparo

Juntar metade do açúcar (30g), fermento e leite morno.

Descansar por 10-15 minutos.

Bater com as varas de massa, farinha, açúcar, manteiga, açúcar baunilhado, sal, noz moscada e canela.

Adicionar à mistura o fermento e o ovo.

Finalizar amassando bem com as mãos até obter uma textura homogénea e elástica.

Descansar a mistura por 30 minutos, cobrindo com película aderente.

Untar uma forma redonda com manteiga.

Enquanto a massa descansa, prepare o crumble, juntando todos os ingredientes e misturando bem com as mãos, até obter uma consistência granulada.

Enformar.

Adicionar bocados de goiabada por cima da massa.

Descansar 10 minutos.

Decorar com crumble por cima do preparado.

Levar ao forno por cerca de 40 minutos a 180ºC.

Rendimento: 12 porções.

A cuca é um bolo ideal para acompanhar chás e cafés, podendo ser servido ao pequeno-almoço ou ao fim de tarde, pois é um bolo que satisfaz.

Bom proveito!

P1120607_Fotor